terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

Diário de Débora :: O Parto da Placenta

Oi gentem, apareci! É que agora eu sou oficialmente moradora de Recife.
Mudei no começo de janeiro e estou me organizando ainda, por isso a demora em aparecer por aqui, mil desculpas…

Vocês lembram de onde paramos? Se não lembra CLICA AQUI.
Estávamos descobrindo que meu parto não poderia ser feito pela minha médica porque ela estava no RJ. Eu liguei pra ela e fiquei um pouco mais calma quando ela me disse que um amigo estava entrando no plantão e faria meu parto.
Depois disso, fui para o quarto e tentei relaxar, tomei um chá e fiquei deitada. Com isso, as contrações ficaram mais espaçadas, quando eu fiz o exame na entrada estavam de 6 em 6 minutos e passaram a ficar de 15 em 15 min, ou seja, diminuíram a frequência e isso não é bom pra evolução do parto, para continuar dilatando. Ah! lembrei que quando eu fui pro quarto disse ao medico que queria a anestesia somente na hora que eu não aguentasse mais de dor, pois até aquele momento as dores que eu sentia eram super suportáveis, numa escala de 0-10 eu cheguei no 6 até aquele momento.

Depois que as contrações ficaram mais espaçadas, o médico me disse que ia colocar o “soro”, eu sabia o que era mas nunca imaginei a sensação. Esse "soro" contém ocitocina, uma substância que é produzida pelo nosso organismo durante o trabalho de parto para contrair o útero, sendo assim quando administrada endovenosa (na veia) potencializa as contrações, fazem com que elas fiquem mais fortes, mais frequentes e durem mais tempo. Isso também pode variar de mulher pra mulher. Em mim - pra explicar de uma maneira que vocês consigam imaginar - parecia que estavam enfiando uma faca na minha barriga e depois tentando arrancar meu útero por um buraco bem pequenininho, ou seja, o efeito foi bem intenso e desprazeroso. Tudo que eu tinha sentido antes intensificou em 100%.
Fiz exercícios com a bola, caminhei, tentei relaxar, mas nada diminuía a dor ao ponto de eu aguentar seguir o trabalho de parto. Pedi a enfermeira que avisasse ao medico que eu queria a anestesia, ele veio avaliar a dilatação e disse que já estava com 9 cm (10cm é dilatação total) e que poderia ir para o centro obstétrico para tomar a anestesia. Ufaaaaaa!!! Respirei mais aliviada e segurei o choro pra ir pra reta final.


Não demorou nem 20 minutos pra tomar a anestesia e ser reavaliada pelo médico pra saber que estava com dilatação total e que chegara a hora de fazer força Rsrsrsrsrsrsrs!!!
E assim foi, primeira força, segunda força e chegava ao mundo a minha princesa Maria Vitória. Linda, razão do meu viver, perfeita. Gritei de emoção e chorei de alegria ao vê-la!

Assim que nasceu, foi para o pediatra e fiquei na sala aguardando o segundo parto: da placenta. Isso mesmo, depois que o bebê nasce ficamos esperando a placenta “nascer”. Mas a minha não queria sair.

O médico esperou o tempo que ele disse que era protocolo, e depois começou a puxar. Eu senti quando ela saiu, porém ele disse que ela tinha se "quebrado" e que ia tentar tirar o resto. Pediu material pra revisão de parto e começou a fazer a limpeza. Não passou nem 5 min, já comecei a passar mal, escureceu tudo e apaguei. Ouvia tudo ao redor, mas não conseguia falar, mexer ou abrir os olhos. Eles faziam de tudo pra me fazer voltar, estava sangrando muito.
Colocavam mais soro, mais medicamentos e eu não melhorava. Ouvi o médico dizer que "se ela não parar de sangrar agora com esse medicamento vou ter que retirar o útero dela!!!"
Nãoooooooooooooo, eu não conseguia dizer nada. Estava totalmente vulnerável e inerte. Queria gritar, implorar, suplicar pra que ele não fizesse isso, mas não consegui. Por isso, no próximo post eu conto o desfecho dessa história.

Beijos e até o próximo! Segurem aí!


4 comentários:

  1. Fiquei curiosa....rs

    Gostei destes posts.

    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anna! Que bom que está gostando, obrigada por nos acompanhar!!! Bjokas

      Excluir
    2. Anna, já tem mais um capítulo dessa linda história!!! Beijos

      Excluir
    3. Anna, já tem mais um capítulo dessa linda história!!! Beijos

      Excluir